Unidados Contabilidade

Notícias

País em rota de colisão com o desastre de tenerife

Quando a ausência de conhecimentos, em momentos atípicos dilaceram sonhos, e toda riqueza e tamanho de nada adiantam

“Quando a ausência de conhecimentos, em momentos atípicos dilaceram sonhos, e toda riqueza e tamanho de nada adiantam, deixando a miséria e pobreza roubarem um presumível futuro promissor, é nossa CULPA”. (Elenito Elias a Costa)

Introdução

No mundo globalizado, em plena pandemia, e com adequação das inovações tecnológicas derivadas de uma Inteligência que não é mais artificial, suas riquezas, tamanho e quantitativos populacionais, completamente desprovidos de CONHECIMENTOS, se exaurem completamente, nos deixando órfãos de um futuro promissor.

Acredito que todo DESASTRE nos concede sinais antecipados, mesmo antes de sua ocorrência através da LEI DA ATRAÇÃO, conseguimos, portanto, perceber a gravidade da situação e seus vetores.

Devemos também acreditar que toda AÇÃO permite uma REAÇÃO, igual e oposta, já que ERRARE HUMANO EST, mas contra fatos inexistem argumentos, mesmo que sejamos a imagem e semelhança divina, pois devemos entender a LEI DO RETORNO, quando utilizamos o processo democrático de eleição com resquícios de reduzidos valores e princípios motivados pela nossa pífia educação, pois o resultado pode ser DESESPERADOR, e diante de inegáveis fatos devemos beber e entender os livros O IDIOTA e DEMÔNIOS, de Dostoievsky, e vivenciar O INFERNO de Dante e Dan Brown.

Sempre procurando compreender a LEI DA RELATIVIDADE e saber que das cinzas surge a FÊNIX, mas que devemos pagar o preço e compreender que a busca de ACERTAR passa muitas vezes pelo ônus do ERRO cometido.

Em suma devemos entender que a linha tênue tangencial que separa a VIDA e a MORTE, está diretamente orquestrada com a equação matemática lógica e depende dos conhecimentos adquiridos através de uma Educação de Qualidade.

SOCIEDADE

Estando em “stay home” e obedecendo aos protocolos de EPI’s necessários e que já integram as ações e atitudes diárias da população, que mesmo sem recursos, sem emprego, com educação e saúde sem qualidade mínima busca sobreviver diante de tantas adversidades.

É verdadeiramente sofrível a situação da base da pirâmide, que sente com estatísticas decadentes, e agravos sociais, que reduzem as perspectivas de um futuro promissor.

A representação de que trata a nossa Carta Magna, no seu artigo 1º e o 5º, estão prejudicados diante do momento atual, e podemos antever um gravame diante de um cenário previsto da situação que nos aflige.

Chegamos a indagar sobre a importância dos Poderes Constituídos gerindo uma Nação de 210 milhões de espécimes, um país continental, com riquezas naturais, terras férteis, mas gerando misérias, fome e sua inépcia transforma esse país num grande matadouro de seus cidadões, onde o holocausto se estabelece.

E mesmo tardio se constitui um Comitê de Enfrentamento dessa Crise que talvez nos traga esperança de mudança quanto aos números de mortos, e contaminados, mas a história haverá de registrar o fato com bastante celeridade e cobrará dos responsáveis o ônus de sua insana inobservância.

A letargia das ações que deveriam ser previamente observadas e combatidas terão um preço elevado e o tempo, vidas, empregos, falências e demais refletirão na Economia.

REPRESENTANTES

Os representantes dessa sociedade devem entender que tal fato que dilacera sonhos, vidas, e futuro, hão de refletir sobre a população que esperavam tratamento e sensibilidade mais coerente de seus representantes.

O simples discurso em plenário desprovido de ações e atitudes que possam materializar e comprovar as promessas deverão gerar dissabores diante dos eleitores, que sabem sobre quem realmente os representaram, e os omissos pagarão um elevado preço.

Mesmo sabendo que o povo esquece com facilidade, pois a história não alcança sua limitação.

As tratativas dantes exercidas na busca de comprar eleitores, obviamente terão um valor mais elevado, mesmo sabendo de práticas não convencionais de seus representantes.

Somente agora o mais ignorante dos eleitores sabe que diante dessa crise que aflige a sociedade brasileira tem responsabilidade que recai sobre determinados representantes.

A vida deve sempre se sobrepor a gula do Capital, em qualquer situação, pela própria racionalidade lógica dos fatos, mesmo sabendo de infração da legislação por tratativas na calada da noite, mas o sistema eivado de transparência e controle interno, devidamente alimentado pela inteligência artificial, hão de expor tais fatos a qualquer momento, onde os responsáveis serão devidamente tratados de conformidade com os ditames legais vigentes.

Na atual conjuntura os representantes políticos devem demonstrar maior interação com os agravos sociais que representam a necessidade básica do eleitorado, e ressalto que os registros e anais do congresso devem demonstrar com clarividência e transparência essa ação, pois as inovações tecnológicas devem evidenciar tais fatos nas mídias, que todos têm fácil acesso.

DADOS INFORMATIVOS

O FMI informa que a vulnerabilidade do Brasil, durante a crise da COVID-19, vão se intensificar em 2021, gerando reflexo indesejável em 2022.

O Banco Mundial estima um crescimento de 3% (três por cento) para o Brasil em 2021. E o resultado de sua análise indica em suas projeções que o Brasil entrará na pior recessão de sua história.

O IPEA, órgão brasileiro, informa que a Pandemia afetou profundamente a trajetória esperada para a Economia do Brasil em 2020/2021.

O BNDES informa que o PIB do Brasil crescerá 3,2% no ano de 2021, mas ressalta que tal percentual tende a oscilar a depender das ações aprovadas no congresso, já que sua volatilidade depende da credibilidade do Executivo.

Com a guerra comercial entre Biden e Xi Jiping, e alguns países tentando isolar comercialmente a China, buscando minorar seu crescimento e evitar ser a maior Economia do Mundo, deixa o Brasil uma grande oportunidade para aproveitar esse momento, e tomar atitude coerente e racional para melhorar a Economia.

O Plano Quinquenal Chinês para 2021/2025, data limite para o mundo reconhecer através dos números e índices econômicos a posição e grandeza da China, já que contra com 1,44 bilhão de habitantes e tem 18% da população mundial, e precisam de proteína, carboidrato e minerais em abundância.

Com a construção de sua nova Capital XIONGAN, utilizando somente recurso do Erário Chinês, projeto que eleva a iris dos olhos chineses, tende a demonstrar que uma cidade planejada e seletiva em toda sua plenitude, visa provar que o sistema se auto alimenta, desde que se utilizem racionalmente tais recursos onde produzirá riquezas e reduzirá os agravos sociais, demonstrando a seguir que seu “sistema” é uma alternativa para países em desenvolvimento.

Essa seletividade tem como base de sua sustentação e continuidade de uma EDUCACIONAL DE QUALIDADE devidamente antenada com as inovações tecnológica da Inteligência Artificial aplicada em sua totalidade, entendam o que nos chamamos de Tabuada eles denominam de Soroban, o que chamamos de números eles chamam de algoritmo, o que chamamos de informação eles chamam de dados, o que chamamos de xadrez eles chama de Xiangqi, sintam a diferença na essência do conhecimento. .

CONCLUSÃO

Desculpa, mas vejo com bastante singularidade a situação do Norte e Nordeste do Brasil muito parecida com a do povo chinês num passado breve, e de suas dificuldades sociais que são bastante similares, em consequência dessa possível simbiose desses fatos, podemos identificar variáveis que se assemelham com a da população chinesa e se houver maior interação num futuro breve e tal fato poderá alavancar um progresso e desenvolvimento que obviamente fortalecerá ainda mais as relações e tende a minorar suas dificuldades.

Alguns poderão ter interpretação duvidosa diante das evidências, mas devemos entender que assim como as águas correm para o mar, e o Capital busca oportunidades para atender a gula do ágio, pois para sua sustentabilidade e continuidade, todos devem ganhar.

Individualmente assim acredito, pois, mesmo sabendo que já não estarei nesse plano, ensino meu neto o pouco que sei sobre os idiomas inglês, mandarim e russo, diariamente.

Acredito que após essa Pandemia, o mundo deve experimentar um cenário completamente diferente e se preparar para os VÍRUS que provavelmente virão com maior letalidade que o anterior, mesmo com Fé em DEUS, mas de olho na evolução social, política e tecnológica.

AUTOR: ELENITO ELIAS DA COSTA, só um VOVÔ profissional.

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos
  • Melhores

Agenda Tributária

Período: Abril/2021
D S T Q Q S S
    010203
04050607080910
11121314151617
18192021222324
252627282930

Cotação Dólar